Jovens brasileiros são destaque em premiações de ciências do Google

Google-science-fair 2016.jpgGoogle-science-fair.jpg

Três jovens estudantes brasileiros se destacaram em duas categorias da edição 2016 da Google Science Fair. Hoje, o Google anunciou que os vencedores do Prêmio Impacto na Comunidade na América Latina são a dupla João Gabriel Stefani Antunes, de 15 anos, e Letícia Pereira de Souza, 18 anos, alunos de um colégio de Fortaleza (CE). De Londrina (PR), o projeto da jovem Maria Vitória Valoto, de 16 anos, está entre os 100 selecionados que vão competir para se tornar um dos 16 finalistas globais da premiação final da Google Science Fair, que vai ser realizada no próximo mês de setembro, na sede do Google em Mountain View, na Califórnia.

Mais detalhes sobre os projetos vencedores:

• Semente Mágica – Transformando água contaminada em água potável
Resumo: Para purificar a água poluída que muitas pessoas utilizam para subsistência, a dupla criou um projeto que usa sementes de uma planta local, a moringa, um coagulante natural barato, viável e totalmente biodegradável
Autores: João Gabriel Stefani Antunes, de 15 anos, e Letícia Pereira de Souza, 18 anos
Local: Fortaleza (CE)

• Sorvete para todos – Cápsulas reutilizáveis para pessoas intolerantes à lactose
Resumo: Maria (16) propôs um método mais viável para a quebra da lactose, um projeto que pode ajudar milhões de pessoas com intolerância à lactose. Pensando no manuseio em casa e também no reuso, ela criou sache com um método diferente de encapsulamento da enzima digestiva chamada de lactase ou β-galactosidase. As capsulas produzidas nesse método não necessita de nenhum tratamento com pH para manter sua atividade e podem ser reutilizadas durante 7 dias.
Autora: Maria Vitória Valoto, de 16 anos
Local: Londrina (PR)

Anúncios

Os comentários estão desativados.